Há poesia em cada dia! Hoje é

Obra em conjunto


Obra em conjunto

Na intersecção do olhar
formo Fortaleza.
Um amálgama de
horizontes discretos.
Decomponho uma camada
com a vegetação verde,
passo para uma camada
arquitetônica – abóbada
religiosa e urbana –
e acabo no mar.
Tudo não acaba no mar?
Não.
Não em Fortaleza.
A história em Fortaleza
começa no mar.
A história em Fortaleza
começa no (a)mar.

Nova Ode ao Girassol


Nova Ode ao Girassol

Girassol
criança,
ainda
bebê, neném,
flor bela,
minha flor.
Impossível
não sentir
saudade
da Terra
da Luz.
Helianto.
Em Hélios
encontra
a força
pela espera
de nosso
encontro.
Encontra
luz,
paz,
paciência,
harmonia,
poesia.
Basta
Poesia?
Para
o amor
poesia só
não basta.
Basta o
Canto,
basta o
amor,
basta o
tanto, o
tanto
amar.
Amo
tanto
quanto
posso.
Amo o
espanto
que sinto
quando
vejo
e sinto
que amo
até o
seu pranto.
Amo
porque
ao final
do
pranto
voltam
as cores:
amarelo,
vermelho,
laranja...
Por isso
persisto,
resisto
fortaleço e
alcanço.
Alcanço
a poesia
cotidiana,
a poesia
de cada
dia
na beleza
de um
sorriso,
das pétalas
abertas
e na voz
doce.

Traduzir / Translate

 

© Copyright Há poesia em cada dia . All Rights Reserved.

Designed by TemplateWorld and sponsored by SmashingMagazine

Blogger Template created by Deluxe Templates