Há poesia em cada dia! Hoje é

Helianto (com Eduardo Lázaro)

Olá, amigos.

O poema de hoje é um texto muito especial porque se trata de uma parceria inédita. Um texto escrito com o meu amigo poeta Eduardo Lázaro (do blog Passagens). Eduardo também mantém o perfil @dulazaro no twitter e foi por lá que alguns versos seus me chamaram a atenção e após uma rápida conversa firmamos uma parceria cujo resultado é este que poderão acompanhar agora. Gostaria também de anunciar que devido ao sucesso dos últimos poemas, alterarei o horário das próximas postagens. Hoje elas saem geralmente às 20h e agora sairão mais cedo, no início da tarde, por volta de 13h. Há poesia em cada dia!

Doze girassóis numa jarra (Vincent Van Gogh, 1888)

Helianto

Flaming flowers that brightly blaze...” (Don McLean)


Planto girassóis para ver Van Gogh,
compreendido na paleta dos sentidos,
dispostos à sorte, tempo que ergue.
Pesado é o véu da arte à tela vazia.

Persuado o pintor, será em vão?
Vincent, homem holandês,
nunca pintaria um único girassol
na corte de Luís XIV.

Versailles nem Château nenhum
há de ofuscar seu brilho sem igual.
Disposta ao deleite da espera, está.
Cavalete em pé, à janela aberta. 

Na certeza, vindoura, aguarda.
Amanhece e mostra
oportunidade renovada!
Ensina nesta luz, nos recria:

A vida que emana do calor
amarelo é apenas parte
da força contida no círculo
do ciclo da vida dos girassóis.

10 comentários:

Edu Lazaro disse...

Marcos, primeiramente, obrigado pelo carinho. Acredito que a arte encarada desta forma, sem competições, e sim de modo coletivo, revigora em nós conceitos de amizade, companheirismo, fraternidade, irmandade, apoio, inspiração e motivação para continuarmos a nos expressar livre, com uma boa auto estima, e sempre consciente que nos agradamos. Abraços sinceros. A postagem, o texto, a imagem, tudo está show!

Marcos R. B. Lima disse...

Olá, Eduardo.

Eu que agradeço a oportunidade de escrevermos juntos este texto e pela sua receptividade ao meu pedido.

Abraços!

Anônimo disse...

Dois poetas que admiro juntos em um único texto \o/ .
Van Goh...girassóis... @dulazaro..@hapoesia= Sucesso.

O que dizer...?

Parabéns hoje,
Sucesso sempre !!! <@_audray_>

Eliane Letrass disse...

Marcos e Eduardo,

Parabéns aos dois pela belíssima parceria. O poema ficou -douradamente - lindo. Vocês escreveram Helianto, eu, Heliotropismo. Pela coincidência, penso valer a pena a leitura> http://elianeletrass.blogspot.com/2011/02/agradeco-minha-amiga-regina-que-me.html

Bjão, Eliane Letras

Marcos R. B. Lima disse...

Olá, Andreia.

Pois é, Eduardo me deu o prazer de ser parceiro dele neste texto e estou muito feliz mesmo com o resultado.

Abraços!

Marcos R. B. Lima disse...

Olá, Eliane.

Passei lá no seu blog e li o seu poema. Muito belo realmente, visitarei mais o seu espaço. Obrigado pelo comentário!

Abraços.

Valcir Machado disse...

Não poderia deixar de comentar esse feito que só enriquece nossa poesia.
Do caldo mexido a duas mãos, o que em geral desanda, bela receita se criou, num deleite certo para cada alma!
Parabéns aos dois, Marcos e Edu, pelo feito bem feito, um só encanto para encantar ainda mais nossos dias.

Marcos R. B. Lima disse...

Olá, Valcir.

Grande prazer tê-lo aqui. Trabalhar poeticamente em dupla foi um novo desafio, mas que gostei muito e estou feliz pelo resultado que agora é apreciado por pessoas especiais como você!

Abraços.

helitera disse...

Uma pintura de poema! Belo (e nítido) como somente o girassol!! Linda parceria.

Parabéns!

Marcos R. B. Lima disse...

Olá, Heli.

Os girassóis são realmente encantadores e ainda aparecerão muito por aqui. Obrigado pelo comentário!

Abraços.

Postar um comentário

Traduzir / Translate

 

© Copyright Há poesia em cada dia . All Rights Reserved.

Designed by TemplateWorld and sponsored by SmashingMagazine

Blogger Template created by Deluxe Templates