Há poesia em cada dia! Hoje é

Ode à Lágrima

Um dia acordei com vontade de escrever algo diferente de tudo que eu escrevera até aquele dia. Pensei em escrever algo de grande extensão. Pensei então em uma ode: nada mais livre e de maior fluidez do que uma ode. Assim nasceu o texto.




ODE À LÁGRIMA

Para a furtiva que
se escapa
de seus olhos
dedico estas
palavras. Ao puro
rio que transcende
seu corpo
brotando de sua visão
para que nossas vistas
vejam seu
ímpeto.

Tão límpida é
a água de suas
nascentes a
ponto de limpar
não só a seu
corpo como ao meu,
fatigado, e
também a
minha alma.
Suas cascatas
limpariam as
manchas
e redimiriam
as imperfeições
dos mundos.

A maior parte
do corpo:
água.
A parte maior
do mundo:
água.
Tua parte principal:
amor.
Amor intrínseco
ao elemento que
perpetuas.
De ti saem
as lágrimas
da vida:
originam
novos seres
e restabelecem
ordens naturais.

Escapa
mais outra.
Pequena, ágil
vai correndo
por sobre a
fronte,
ultrapassa
a divisa
do pescoço
e desliza
por sobre
o macio
colo. O
mundo está
presente na
viagem deste
pequeno
átomo em
sua cruzada
pelo
oásis
moreno
de teu
corpo.

Não a
derrames
por mim.
Que suas
lágrimas não
semeiem a
terra por
minha causa.

Mínima
unidade
transbordante
de força,
lágrima de
amor, lágrima
do meu amor,
renove a
cada gota a
força de minha amada.
Ajude, sagrado
líquido vital,
a perpetuar
suas virtudes,
preserve o
poder de seu
caráter: sustenha
o amor de
que é formada.

4 comentários:

Irene Caram disse...

Marcos,
Acho que você nasceu artista. Que lindo!!!!
Irene.

Solange Okazaki disse...

Marcos,
Interessante as descobertas....
como diria Guimarães Rosa: "Elas chegam devagar....devagarinho....e de repente tomam conta da gente".
Acho que é assim a frase que ele escreve em: "Grande Sertão: Veredas" ao referir-se ao medo e acho que se aplica bem para registrar as descobertas que tenho feito dia a dia em relação ao "Marcos"!!!!!!!!!!!!!!!!!

Marcos R. B. Lima disse...

Olá Irene,

Não sei se sou artista. Tento escrever coisas que sejam significativas para mim, mas que também consigam atingir aos outros. Que bom que você gostou!

Abraços.

Marcos R. B. Lima disse...

Olá Sol,

Obrigado pela mensagem! Quero que saiba que está sendo um grande aprendizado conviver com você e quero continuar aprendendo cada vez mais. Obrigado.

Abraços.

Postar um comentário

Traduzir / Translate

 

© Copyright Há poesia em cada dia . All Rights Reserved.

Designed by TemplateWorld and sponsored by SmashingMagazine

Blogger Template created by Deluxe Templates